#Verdão. No ano passado, somando todas as categorias de base, o clube teve 31 jogadores convocados para as seleções de base, um recorde na história do clube. Outro recorde foi o de número de títulos conquistados, foram 23 taças no total, do sub-11 ao sub-20.

Mas a base está sendo bem aproveitada?

Na temporada passada, de todos os jogadores que atuaram em partidas oficias pelo profissional, somente Victor Luiz foi criado nas categorias de base do verdão. Alguns jovens até treinam com o elenco profissional, participam de jogos-treinos, mas não tem oportunidade em jogos oficiais.

O Palmeiras prefere contratar jogadores caros, com salários altos, do que dar uma oportunidade a esses jovens atletas. O exemplo mais recente é o artilheiro da base palmeirense no ano passado. O atacante Papagaio, assim que voltar da seleção brasileira sub-20, vai direto para o Atlético Mineiro, empréstimo de 1 ano. Vale lembrar que o verdão contratou Arthur Cabral, ex-Ceará, para a mesma posição, e já contava com Borja e Deyverson no elenco.

A precoce venda de Fernando

Em Junho do ano passado, o Palmeiras anunciou a venda do atacante Fernando ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 24 milhões de reais. Posteriormente, o clube pagou o mesmo preço para contratar Carlos Eduardo, um jogador de mesmas características do Fernando.

O Atacante, cria da base alviverde, fez somente 1 partida oficial pelo profissional do verdão.

Fernando comemora gol pelo sub-20 do Verdão. Foto: Fabio Menotti/Ag. Palmeiras/Divulgação

2019

Mais um ano em que o planejamento do Palmeiras parece ser sem as crias da sua base. O meio-campista Vitinho, que teve passagem pelo Barcelona B, foi emprestado para o São Caetano. Um dos destaque da base em 2018, o atacante Yan foi emprestado para o Estoril, de Portugal. O zagueiro Iago, que jogou a copinha desse ano, não teve seu contrato renovado e foi para o Vitória de Guimarães.

Sem espaço no profissional

As contratações acabam fechando as portas de uma possível oportunidade aos jogadores criados na própria base do clube. Então, o melhor a se fazer é emprestá-los, para que não fiquem a temporada inteira somente treinando.

Comenta aí:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here