Aumento de preço exclusivo da Petrobras no Brasil mostra independência da empresa – SEO

RIO DE JANEIRO, 7 de julho (Reuters) – O presidente brasileiro Jair Bolsanaro não foi consultado ou informado sobre a decisão da estatal Petrobras (PETR4.SA) de elevar os preços dos combustíveis esta semana, reforçando a independência da empresa, CEO Joachim Silva e Luna disse quarta-feira.

O ex-general do Exército, eleito para liderar o Bolsanaro em abril, disse que não estava lá e que não haveria interferência externa no ajuste dos preços dos combustíveis.

Seus comentários foram feitos depois que seu antecessor, Bolzano, foi deposto após um desacordo sobre o aumento dos preços dos combustíveis, gerando alertas entre os investidores sobre a intervenção do governo nos produtores de petróleo. consulte Mais informação

Luna disse que o aumento foi necessário porque os preços do petróleo estão altos nos mercados globais, mas todos os aumentos de preços são feitos de forma técnica, tendo em vista a demanda e a oferta futuras.

Com US $ 73 o barril de petróleo, a inflação doméstica está em alta e a epidemia de COVID-19 ainda paira sobre a economia, Luna reconheceu que a Petropras está em uma posição difícil.

“Isso é verdade, mas não muda a política de preços”, disse Luna.

A Petrobras anunciou na segunda-feira o primeiro aumento nos preços do diesel e da gasolina desde que Luna assumiu como CEO em 19 de abril.

Reportagem de Rodrigo Vica Care no Rio de Janeiro Jamie McGeever Editando Matthew Lewis

Nossos padrões: Princípios da Fundação Thomson Reuters.

READ  O brasileiro Jair Bolzano 'é o pior. Aqui estão algumas dicas insultuosas.

Tadday Köhler

"O desconfortavelmente humilde fã de TV. Generalista de Twitter. Entusiasta de música extrema. Conhecedor de Internet. Amante de mídia social".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top