Cargill inaugurou uma nova fábrica de pectina no Brasil, pela primeira vez fora da Europa

São Paulo (Reuters) – A trader brasileira de commodities Cargill disse na sexta-feira que concluiu a construção de uma nova instalação para produzir pectina, um subproduto da fruta usada em geleias, bebidas, laticínios e confeitos.

A planta é a única instalação de pectina da Cargill fora da Europa, possuindo três dessas unidades.

Isso tornaria a Cargill a segunda maior produtora mundial de ingredientes alimentícios, disse Laerte Moraes, diretor de amido e adoçantes da Cargill na América do Sul.

Localizada perto do cinturão da laranja do Brasil – para onde a Cargill exportará casca de laranja como matéria-prima – a fábrica deve ajudar a reduzir os custos de produção da empresa, já que duas de suas fábricas na Europa atualmente têm que importar cascas de laranja para processamento lá.

A empresa disse que a unidade brasileira atenderá principalmente as necessidades do mercado externo, principalmente clientes da Ásia, e vai empregar 120 pessoas.

A mudança da Cargill reflete a necessidade de equilibrar grandes negócios com margens de lucro menores, ao mesmo tempo em que fortalece sua presença em segmentos de mercado de volumes menores, mas a preços mais altos.

É também uma resposta às necessidades industriais dos clientes e à evolução das necessidades nutricionais dos consumidores. A Cargill disse que a demanda global por pectina, um ingrediente natural que pode ser usado como emulsificante, estabilizante e espessante na culinária e panificação, deve crescer até 4% ao ano.

A empresa, uma das maiores comercializadoras de soja e milho do Brasil, anunciou a construção da nova planta em 2018. Embora as obras tenham sido ligeiramente atrasadas em 2020 devido a restrições relacionadas à pandemia, a planta começará a operar este mês, segundo Moraes .

READ  YNW Melly produziu um novo álbum por telefone da prisão

A nova planta pode produzir cerca de 6.000 toneladas por ano do produto de alto valor, um quilograma do qual pode custar entre US $ 15 e US $ 20, disse Moraes.

Segundo Moraes, a Cargill investiu 550 milhões de reais (US $ 106,52 milhões) na fábrica.

(1 dólar = 5,1632 reais)

(Reportagem de Anna Mano; Edição de Sandra Mahler)

Swanhilda Müller

"Jogador. Introvertido. Solucionador de problemas. Criador. Pensador. Evangelista vitalício de alimentos. Defensor do álcool."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top