Já estamos a praticamente menos de um mês do início dos, tão esperados, lançamentos dos carros para a temporada 2018 de Formula 1. Existe sempre uma grande expectativa, quando ao nível de evolução dos carros, e sempre são esperadas novas ideias e soluções. A McLaren, na última terça-feira (23), declarou já ter realizado, com sucesso, o teste de impacto exigido pela FIA. Isso significa que o monoposto da equipe inglesa já está praticamente pronto.

Junto ao carro da McLaren, que agora vem com o motor Renault, são também bastante aguardados os carros da Toro Rosso, motorizados pela Honda. Outros destaques que prometem são: a Sauber com um projeto novo e agora com o aporte da Ferrari. Williams de Paddy Lowe, que dessa vez tiveram tempo, e sem dúvida as principais postulantes a título Ferrari e Mercedes. Mas se a briga entre motores é limitada somente a quatro desenvolvedores, o mesmo não pode ser dito ao conjunto aerodinâmico. A disputa pela evolução pode ser maior. Dentro deste quesito, várias equipes já escorregaram e muitas, tentando o pulo do gato, tropeçaram feio em projetos no mínimo mal sucedidos.

Vamos conferir algumas ideias aerodinâmicas, que chegaram marcando nos lançamentos, mas que infelizmente se tornaram um fracasso ao longo da temporada. Grande parte destas mancadas estão localizadas nos bicos dos monopostos, uma área extremamente importante e que quando mal trabalhada, compromete todo projeto.

Williams FW26

Equipado com um V10 BMW, o FW26 prometia um barbear rente e suave, mas não durou até o fim da temporada (BMW Picture by John Townsend)

Se tem um carro que é lembrado, com frequência em fóruns na internet, esse é o Williams FW26, apelidado “carinhosamente” como bico de Gillette, devido à aparência da peça. Criado para a temporada de 2004, o FW26 foi desenvolvido sob o comando da engenheira chefe em aerodinâmica Antonia Terzi, em conjunto com o chefe de design Gavin Fisher e o diretor técnico Patrick Head.  O projeto foi bastante aguardado para fazer frente a Ferrari, devido ao segundo lugar conquistado no campeonato de construtores de 2003.

Infelizmente a tentativa de título saiu pela culatra, e a principal característica inovadora do carro, o bico, se tornou um problema. A peça dianteira, além de pesada, vibrava excessivamente, causando também problemas no fluxo do ar. No Grande Prêmio da Hungria o bico foi finalmente substituído, por uma peça com desenho conservador, semelhante ao de 2003. Já na corrida seguinte, em Monza, a troca pareceu dar o upgrade que faltava, e Montoya marcou o mítico recorde de volta mais rápida da F1, (com uma média de 262 km/h) durante a pré-classificação.

Caterham CT05

 

WTF? Imagine o CT05 em um túnel de vento… (Créditos: Sutton Motorsport)

Caterham, o que falar dela? Bem, infelizmente essa não foi uma equipe que chegou a produzir nenhuma obra em excelência, em praticamente nenhum aspecto na categoria. A temporada de 2014, muito conturbada e a última em que o time esteve, se tornou um drama logo de início. A começar pelo atraso no lançamento e na chegada para os testes do carro. O CT05 era mais um que seguia, a visualmente horrorosa, tendência dos bicos estilo “tamanduá”.

Somando-se o desafio de desenvolver um projeto com um staff pequeno, ao velho e constante problema da falta de aporte financeiro, surgiu o mostro da Caterham. Sem dúvida nenhuma ele deve ter despertado desde pena, até grandes gargalhadas, por parte de engenheiros ao chegar no paddock.

Em termos de aerodinâmica, o nariz era uma medida extrema para manter a peça atualizada às regras vigentes na época, em uma tentativa de conduzir o fluxo de ar para debaixo do carro. No entanto, era visto que o trabalho aerodinâmico estava longe de ser no mínimo decente, e para o GP da Bélgica a peça foi redesenhada. Não que após isso o carro tenha obtido resultados fabulosos, mas ao menos o desenho seguia uma lógica aerodinâmica.

Lotus E22

O que parece isso? Deixa pra lá… (Créditos: Carpixel)

Sem sombra de dúvida a temporada de 2014 foi assustadora, bicos de tamanduá para todos os lados no paddock, e outras aberrações. O Lotus E22 era um bicho de outra espécie, e utilizava um design no bico que vamos chamar de garfo, ou como queiram. A ideia para o desenho aerodinâmico veio de outras categorias, e seguia uma filosofia adotada em protótipos de endurece, como o Audi R15 TDI.

Romain Grosjean e Pastor Maldonado passaram sufoco logo nas primeiras etapas do campeonato, o que não mudou muito ao longo da temporada. Para o GP dos Estados Unidos, a Lotus parecia estar sabendo muito bem quais eram os problemas e já testava outro bico. Mais tarde a equipe admitiu que falhas fundamentais, de design e chassi, eram as responsáveis pelo baixo rendimento. Além disso, o time largou ainda cedo o desenvolvimento do E22 para se dedicar no E23, que veio com um bico bem mais discreto e conservador em 2015.

Ensign N179

A seta no capacete de Derek Daly parece denunciar aonde está o problema. (Créditos: Sutton Motorsport)

Agora vamos dar uma volta no tempo, porque falhas de desenvolvimento de projeto e de aerodinâmica, não são de exclusividade recente.

O N179 é mais um fruto do experimentalismo dos anos 70, chegado já no final da década, para a temporada de 1979. Na tentativa de fazer um carro revolucionário, assim como a Lotus fez, a Ensign retrabalhou o seu modelo N177, que já era usado há duas temporadas. E assim veio, logo após os dois primeiros GP’s de 79, um dos carros mais estranhos da F1.

Estreando, ou melhor, tentando, no GP da África do Sul, o N179 carregava os radiadores na parte frontal do carro. Era uma ideia para deixar as laterais livres e aproveitar ao máximo o efeito solo.  Problemas de superaquecimento foram apenas uma das questões que afundaram o projeto. Após a tentativa mal sucedida de se classificar, a equipe decidiu não passar mais vergonha no GP seguinte e mudou o carro. Em Long Beach, a Ensign já tinha recolocado os radiadores no lugar de onde não deveriam ter saído.

Mercedes W08

Estava bom, não era assim uma Ferrari… mas tinha um AMG empurrando. (Créditos: Mercedes F1 – Wolfgang Wilhelm)

Sim a força dominante Mercedes também já cometeu alguns equívocos. Na verdade, em questão, não foi um projeto desenvolvido com um problema crítico, mas sim um em desvantagem na comparação com outra equipe.

Com certeza Toto Wolff e Niki lauda se assustaram ao verem o carro da Ferrari para a temporada de 2017, um carro que era muito evoluído em aerodinâmica, talvez o melhor do grid, e ainda equipado com um motor potente. Durante as fases de testes em Barcelona, sobrou somente à equipe alemã confirmar a inacreditável façanha italiana, e exibir um sorriso amarelo. A esta altura Toto e Lauda já deviam ter se comunicado com a sede da Mercedes e dado uma pressão nos engenheiros.

A ameaça italiana se confirmou já nas primeiras corridas, quando pode ser notado, um melhor conjunto entre carro e pneus no monoposto da Ferrari.  Para o GP Espanhol veio um pacote de upgrades para o time alemão, dentre as novidades a principal foi o bico. Mais estreito e com um desenho extremo, a nova peça prometia permitir a Mercedes um maior percentual para administrar o desgaste dos pneus, assim como resolver problemas como aquecimento. O novo pacote cumpriu o seu papel, e embora o carro da Ferrari fosse bastante avançado, não foi páreo para o motor Mercedes.

Para essa nova temporada, vamos aguardar quem vai levar aquele susto, na hora de apresentar os projetos.
Mercedes fará um trabalho mais arrojado? Ferrari vai manter a evolução? E quanto ao Newey, ele vai fazer a mágica acontecer na Red Bull? Aguardem…

Comenta aí:

20 COMENTÁRIOS

  1. Hi there I am so excited I found your blog page, I really found you by mistake, while I was browsing on Google for something else, Anyhow I am here now and would just like to say cheers for a tremendous post and a all round enjoyable blog (I also love the theme/design), I don’t have time to read it all at the minute but I have bookmarked it and also included your RSS feeds, so when I have time I will be back to read a great deal more, Please do keep up the great work.

  2. I wanted to write you the very small remark to help say thank you again for all the extraordinary opinions you’ve shared on this website. This is shockingly open-handed with people like you to present extensively all that numerous people would’ve offered for an e-book to help make some profit for themselves, certainly now that you could have tried it if you desired. The points as well acted to provide a fantastic way to be certain that some people have the same keenness much like my very own to know the truth a great deal more when it comes to this issue. I’m sure there are numerous more pleasurable occasions ahead for those who scan your blog.

  3. Aw, this was a very nice post. In idea I wish to put in writing like this moreover – taking time and precise effort to make a very good article… however what can I say… I procrastinate alot and not at all appear to get something done.

  4. Needed to write you a little bit of observation just to thank you so much yet again for the beautiful thoughts you have featured in this article. It has been so extremely generous with you to offer easily what a lot of people would’ve sold as an ebook in making some dough for their own end, mostly now that you might well have tried it if you ever decided. The good tips in addition worked as the good way to be certain that other people online have the identical dreams much like mine to see more with regards to this condition. I think there are lots of more pleasurable moments in the future for people who read carefully your site.

  5. I have been exploring for a little for any high quality articles or blog posts on this sort of area . Exploring in Yahoo I at last stumbled upon this site. Reading this info So i am happy to convey that I have an incredibly good uncanny feeling I discovered just what I needed. I most certainly will make certain to don’t forget this web site and give it a look regularly.

  6. That is very fascinating, You are an overly professional blogger. I have joined your feed and stay up for in search of more of your magnificent post. Additionally, I have shared your site in my social networks!

  7. Do you mind if I quote a couple of your articles as long as I provide credit and sources back to your blog? My blog site is in the very same area of interest as yours and my visitors would definitely benefit from a lot of the information you present here. Please let me know if this ok with you. Appreciate it!

  8. I know this if off topic but I’m looking into starting my own blog and was curious what all is needed to get setup? I’m assuming having a blog like yours would cost a pretty penny? I’m not very web smart so I’m not 100 sure. Any suggestions or advice would be greatly appreciated. Thank you

  9. Youre so cool! I dont suppose Ive learn anything like this before. So nice to find any person with some original thoughts on this subject. realy thanks for beginning this up. this website is something that’s needed on the net, someone with somewhat originality. helpful job for bringing something new to the web!

  10. I loved as much as you’ll receive carried out right here. The sketch is attractive, your authored subject matter stylish. nonetheless, you command get got an shakiness over that you wish be delivering the following. unwell unquestionably come further formerly again as exactly the same nearly a lot often inside case you shield this hike.

  11. Its such as you read my thoughts! You seem to grasp so much about this, like you wrote the e book in it or something. I feel that you just could do with some p.c. to force the message home a little bit, however other than that, this is excellent blog. An excellent read. I’ll certainly be back.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here