Londrina perde para o CRB e fica sem chances de acesso à Série A.

A possibilidade de subir para a primeira divisão nacional acabou para o Londrina. Nesta última sexta-feira pela penúltima rodada, jogando em casa no Estádio do Café e com o apoio de quase 25 mil torcedores, o Tubarão foi batido pelo alvirrubro alagoano por 2×1.

Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube
Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube

O jogo

Logo aos 3 minutos, o CRB mostrou a que veio. Em uma jogada pela esquerda, o lateral Paulinho cruzou na área londrinense e encontrou sozinho Willians Santana, que nem precisou subir para cabecear e inaugurar o marcador.

A partir daí o Londrina iniciou uma pressão sobre o time alagoano. Aos 23′ Jardel lançou Dagoberto na área. O mesmo sofreu um empurrão por trás do zagueiro Everton Sena, pênalti assinalado.

Muita reclamação pelos lados do CRB, o jogo paralisado e muita tensão no ar. Enfim, sempre ele, Dagol pegou a bola aos 26 minutos, botou na cal e com categoria, rolou no canto esquerdo, deslocando o goleiro João Carlos. Explosão da torcida, 1×1.

Com o empate, o LEC continuou a pressão até o final do primeiro tempo, porém sem êxito.

Veio o segundo tempo e a esperança da virada que deixaria o time ainda flertando com o acesso. As chances se sucediam uma após a outra pelos lados do Londrina. Entretanto o CRB com seu forte sistema defensivo, buscava os contra ataques.

E foi em um deles que saiu o segundo gol alagoano. Aos 31 minutos, Renan pela direita levantou para a área, o lateral Lucas Ramon cortou mal, encontrando novamente Wilians Santana, que fuzilou no meio do gol. Nenhuma chance para o goleiro Wagner.

Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube
Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube

Bom, aquele ditado: Perdido por um ou por dez é a mesma coisa. O time londrinense lançou se para cima do CRB a fim de empatar e depois virar. Mas nem uma coisa, nem outra. Assim, aos 50 minutos o árbitro carioca Marcelo de Lima Henrique encerrou a partida.

Festa alagoana com o time chegando a 45 pontos, a dois do Paysandu, o primeiro do Z4. Tristeza paranaense por amargar o terceiro ano seguido sem o acesso à Série A.

Mas vida que segue. Os times entram em campo sábado no mesmo horário, às 17 horas. O Galo da Pajussara encara o Figueirense em Maceió, necessitando apenas de um ponto permanecer na B. O Tubarão pega o Guarani em Campinas, apenas para cumprir tabela.

Por fim, fui, bua bua bua bua…….

Comenta aí:

36 COMENTÁRIOS

  1. Hi there, i read your blog from time to time and i own a similar one and i was just wondering if you get a lot of spam responses? If so how do you protect against it, any plugin or anything you can advise? I get so much lately it’s driving me mad so any help is very much appreciated.

  2. The crux of your writing while sounding reasonable originally, did not really sit properly with me personally after some time. Someplace within the paragraphs you actually were able to make me a believer unfortunately just for a very short while. I still have got a problem with your jumps in logic and one would do well to help fill in all those breaks. When you actually can accomplish that, I would certainly be amazed.

  3. I have been surfing online more than three hours today, yet I never found any interesting article like yours. It is pretty worth enough for me. In my opinion, if all website owners and bloggers made good content as you did, the net will be much more useful than ever before.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here