Na última terça-feira (9), Botafogo e Vasco se enfrentaram no Estádio Nilton Santos, em jogo válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em uma partida de nível técnico baixo e com bastante chances criadas palos donos da casa, o resultado final foi um empate em 1 a 1. O Glorioso se manteve na 12ª colocação, agora com 34 pontos, e o Cruzmaltino, com 31, deixou a zona de rebaixamento e pulou para o 15º lugar.

(Revelado nas categorias de base do Glorioso, o zagueiro Igor Rabelo completou a importante marca de 100 jogos pelo Botafogo. Esse foi um dos atrativos do embate. Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.)

Pouco mais de 10 mil torcedores compareceram ao Nilton Santos. Eles esperavam, mais do que nunca, a vitória do seu time para espantar de vez o perigo do rebaixamento. O Botafogo, caso vencesse, chegaria a 11ª colocação e ficaria a seis pontos do Z-4. O time de Zé Ricardo esteve à frente do placar por 19 minutos, com o um gol marcado por Luiz Fernando aos 17 minutos, mas, aos 36, Maxi López empatou para o Vasco, numa bola que caprichosamente desviou no lateral Marcinho antes de estufar as redes defendidas pelo goleiro Saulo.

O resultado podia ser melhor. Vale destacar que o Botafogo se impôs em casa, principalmente na primeira etapa. No segundo tempo o Glorioso manteve a posse de bola e as jogadas de ataque, mas, conforme o tempo foi passando e os jogadores cansando, as alternativas ficaram por conta de bolas alçadas na área. Agora o Fogão segue sem perder há quarto jogo no Brasileirão e na luta pela sua manutenção na elite do futebol nacional.

(Na boa: Luiz Fernando marcou dois belos gols nos dois últimos jogos do Fogão. O meia de 21 anos está se destacando na ausência do chileno Léo Valência e será importante nos confrontos finais. Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.)

Na sequência da competição, o Botafogo tem três pedreiras pela frente. A primeira será o Ceará, em Fortaleza, na próxima segunda-feira (15). O time do técnico Lisca somou 13 pontos dos últimos 18 disputados (quatro vitórias, um empate e duas derrotas) e, apesar de estar na 17ª posição, vem numa ascendente nesse returno de Brasileirão. Aliado à boa fase, o Vozão também conta com uma torcida empolgada, que deve lotar o Castelão e fazer pressão para cima dos visitantes

Os outros dois jogos difíceis aos quais me referi no parágrafo anterior, serão contra o Bahia, no Rio de Janeiro (dia 20 de outubro) e Atlético PR, em Curitiba (dia 27 de outubro). Mais do que jogos difíceis, são jogos diretos. O Botafogo precisa manter a invencibilidade nesses confrontos para sonhar com um ano de 2019 melhor. Faltam apenas 10 rodadas para o fim da temporada.

Comenta aí:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here