Safra de café robusta aumentou no Brasil e safra parece favorável

Por Roberto Zamora

SÃO PAULO, 4 Mai (Reuters) – O trabalho de colheita nas fazendas de café Robusta no Brasil, o maior produtor mundial de café, está aumentando.

A maior parte da produção de café no Brasil e no mundo é uma seleção de cadeias de café como Arábica, Mild Type e Starbucks. Os grãos Robusta têm um sabor forte e são frequentemente usados ​​pela indústria de café solúvel.

A produção de robusta no Brasil vem aumentando nos últimos anos, pois as árvores são mais resistentes ao calor e à seca em comparação com o arábica. O Brasil é o segundo maior produtor de Robusta depois do Vietnã.

“De outubro até agora tivemos boa umidade e as árvores estão em boas condições. Todos os sinais apontam para melhores rendimentos do que na temporada passada”, disse Luis Carlos Pastianello, chefe do Brasil, com sede na maior Robusta Coffee Co. Esprito do Brasil. Santo, No. 1 Estado Robusta.

A Gonab, uma empresa brasileira de entrega de alimentos, disse que a safra de robusta este ano aumentou 4,1%, para quase 17 milhões de sacas de 60 kg. Estimativas privadas mostram um grande número de cerca de 20 milhões de sacas.

Até agora, a Cooabriel recebeu apenas cerca de 30.000 sacas de agricultores relacionados, mas espera receber um total de 1,8 milhão de sacas, 300.000 sacas a mais, até 2021.

Pastianello disse que a maior parte da safra de Robusta estará no Brasil este ano, em vez de ser exportada.

“Há uma boa remuneração no mercado local”, disse ele.

As torrefadoras locais estão aumentando a participação de grãos robusta em suas misturas na tentativa de escapar do alto preço do arábica.

READ  Brasil reduz o risco de ‘vaca louca’ em casos suspeitos no Rio

A Cecafé, uma associação de exportadores de café, disse em seu relatório de abril que as exportações de Robusta caíram 64% em relação ao ano anterior.

A safra do Robusta também já começou em Rondônia, o maior produtor de 2o, onde a produção está aumentando em 10%, para 2,5 milhões de sacas. (Reportagem de Roberto Zamora, de Marcelo DiCiera; edição de David Gregorio)

Tadday Köhler

"O desconfortavelmente humilde fã de TV. Generalista de Twitter. Entusiasta de música extrema. Conhecedor de Internet. Amante de mídia social".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back to top