Os torcedores culés já podem respirar aliviados. Mesmo sem Lionel Messi, o Barcelona segue invicto no Grupo B da Champions League.  A equipe da Internazionale foi até o Camp Nou e viu o ex-nerazzurri, Rafinha, e Jordi Alba aumentarem o placar para os donos da casa. Os demais clubes do grupo, Tottenham e PSV Eindhoven, acabaram no empate em 2 a 2. Com a vitória, o time catalão terminou a rodada na liderança isolada, seguido da Inter.

Com 100% de aproveitamento, o Barça se junta ao Borussia Dortmund e a Juventus, que também venceram todos os confrontos da competição.


Xô nervosismo!

Para quem está acostumado a jogar com um atacante decisivo e de confiança, é complicado ficar sem ele. Principalmente se este homem é Lionel Messi. O técnico blaugrana, Ernesto Valverde, , acabou fazendo mudanças pontuais e trocando até jogadores de posição, surpreendendo o torcedor.

O 4-3-3 permaneceu como o esquema do time, com Suárez no meio do ataque, Coutinho na ponta-esquerda e Rafinha na ponta-direita, que é meio campista de origem. A colocação do brasileiro como atacante é intrigante, já que seu compatriota Malcom, quem seria o substituto direto de Messi, acabou no banco de reservas.

 

Não tem jogo fácil na Champions

Qualquer descuido pode mudar os rumos de uma partida, principalmente quando se fala em Liga dos Campeões. A partida começou com a saída de bola da Inter, e, logo nos minutos iniciais, Ter Stegen quase leva um gol de cobertura de Perisic. O Barça pareceu começar a jogar após os 12’, com um chute de fora da área de Coutinho.

O primeiro tempo teve destaque para os goleiros de ambos os times. Handanovic, da equipe italiana foi o mais acionado. Mas nem tudo são defesas. Depois de receber de Rafinha, pela direita, Suárez devolveu para o brasileiro que chegou na área para dar um toquinho na bola e estrear o marcador, aos 32′, 1 a 0.

Os dois lados bem que tentaram, mas acabaram no quase e não modificando o placar até o final do primeiro tempo.


É tudo ou nada!

 

A segunda etapa começou fervorosa para os nerazzurri, que precisavam virar o jogo para se manterem invictos na Champions League. A substituição de Candreva por Politano deu mais ofensividade e vontade à Inter, que desperdiçou dois gols logo aos 4’ e 6’. Mas não demorou muito para a equipe da casa acordar novamente. Suárez foi o protagonista de uma jogadaça! O uruguaio passou por dois antes de chutar para o gol e espalmar em Handanovic.

A grande chance de ampliar o placar chegou aos 25’. Após um rebote protegido pelo goleiro adversário, Rakitic ajeitou sem querer para Coutinho, que chutou forte e parou na trave. E o croata mais uma vez foi decisivo para o Barcelona. O meia deu um passe milimétrico para Jordi Alba, que chegou na entrada da área para marcar o segundo, 2 a 0, aos 37’. Depois disso, não houve chances para a Internazionale, que acabou não diminuindo o placar.


Logo tem mais

Os próximos compromissos do Barça não são nada fáceis. No próximo domingo os blaugranas enfrentam o Real Madrid pela La Liga. Apesar de estar sem o craque argentino, a vantagem é dos atuais líderes do campeonato. Mas como diz o ditado, Clássico é Clássico e tudo se pode esperar.

Os dois combatentes desta quarta-feira voltarão a se enfrentar pela Champions League. Será no dia 6 de novembro, no Estádio Giuseppe Meazza, mais conhecido como San Siro.

Comenta aí:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here