Queimando Brasil venceu Japão VNL consecutivo

O Brasil se tornou o primeiro time a avançar para as finais da Liga FIVP de Voleibol Feminino 2021, derrotando o Japão por 3 a 1 (25-15, 25-23, 29-31, 25-16) nas semifinais na Itália nesta quinta-feira. Resort do Adriático de Rimini.

O Brasil saiu na frente com dois sets, quebrando cada um dos dois primeiros com pistas confortáveis ​​- o segundo foi apertado no final.

Os sul-americanos chegaram ao ponto restante com quatro pontos, mas o Japão marchou para fechar por 24 a 23, com Tantara acertando a bola das mãos de Haruyo Shimamura.

Macris procura um lance para jogar a bola no momento em que o Brasil avança para a final da final da Liga de Voleibol Feminino da FIVP de 2021.

Mas o Japão não desistiu facilmente. O Brasil terminou em sétimo 5-12 no terceiro set, substituindo Natalia Pereira por Fe Kare.

O Brasil perdeu dois match points na 24ª colocação na terceira colocação – perdendo para um lado do erro de desalinhamento de Macris Carneiro. Antes do assassinato final de Mayu Ishikawa para manter o Japão vivo, os sul-americanos tiveram mais duas chances de terminar a partida por 25-24 e 27-26.

O Japão voltou a liderar por 5 a 0, com Fe Carey voltando à quadra para substituir Natalia, que foi pega novamente no Brasil e morta a tiros. Ao final do segundo tempo técnico, o Brasil conquistou cinco pontos de vantagem e conseguiu encerrar a partida em quatro sem maiores problemas.

Desta vez foram nove match points no Brasil, Rosamaria Montipeller acertou na primeira lateral, atacando no cruzamento para fechar a partida.

O Brasil lidou bem com os desmaios da assinatura japonesa e fez bom uso de sua força física na web.

Havia muitas opções para Magris distribuir a jogada no Brasil ou para quem tinha os atacantes japoneses sob controle. Na verdade, essa é a frustração das tentativas dos atacantes japoneses de encontrar uma solução para o bloqueio do Brasil, e eles admitiram 25 erros de ataque – sua eficiência geral foi de apenas 37% (62/167).

READ  Supremo Tribunal Federal do Brasil confirmou vacina de viagem para o Rio
Tandara e Pia Brasil derrotaram Mayu Ishikawa nas semifinais da Liga FIVP de Voleibol Feminino 2021.

Tanara Keizeta foi quem mais contribuiu com 23 pontos, embora Kofi Guimarães (18 anos ao lado dos japoneses Sarina Coca e Ishikawa) tenha sido o mais prolífico com 55% (17/31) no ataque do Brasil.

Carol Cattas e Ana Beatrice ‘Pia’ avançaram para a 13ª colocação no Brasil no torneio de três partidas cada uma.

Ishikawa foi o maior goleador do Japão com 18 pontos.

Confira as estatísticas completas, fotos e reações pós-jogo no centro de competição

O Japão se enfrentará até perder a outra partida da semifinal entre Estados Unidos e Turquia na partida pela medalha de bronze na sexta-feira.

Esta será a segunda participação do Brasil na final da VNL desde a colisão com os Estados Unidos em 2019.

Tadday Köhler

"O desconfortavelmente humilde fã de TV. Generalista de Twitter. Entusiasta de música extrema. Conhecedor de Internet. Amante de mídia social".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top