Faaalaaa #CowboysNation! Os Cowboys brilham e atropelam o Jaguars.

Seguimos na nossa montanha-russa de emoções.

Que time é esse? Não dá pra saber se nós torcedores, choramos ou sorrimos, se vamos ao SuperBowl ou se teremos a 1st pick no Draft. Enfim, o jogo de ontem foi lindo!

Vamos ao jogo e seus destaques.

Primeiro ponto a destacar: Connor McGregor, volte sempre! Você nos deu muita sorte. Apareça sempre que quiser!

Connor McGregor - Cowboys x Jaguars - Photo: Tom Fox/Staff Photographer
Connor McGregor – Cowboys x Jaguars – Photo: Tom Fox/Staff Photographer

Segundo ponto a destacar: Scott Linehan, nosso Coordenador Ofensivo não estava presente no campo, acompanhando o jogo pela cabine. Se for pra ganharmos tão bem quanto foi ontem, nem apareça mais na sideline!

O Cowboys começou o jogo defendendo. Após algumas jogadas de ambos os lados sem muita empolgação, com destaque para uma conexão entre Dak Prescott e Michael Gallup pela lateral do campo, Brett Maher acerta um field goal para abrir o placar do jogo. 3 a 0.

Com o relógio marcando 4:47 do primeiro quarto, aconteceu algo inusitado: A bola escapa das mãos de Dak sem qualquer tipo de contato, porém imediatamente ele mesmo recupera a bola e corre para o first down. Nesse momento rolou aquele mini infarto.

Na continuação do drive, Michael Gallup recebe passe alto de Dak na end zone, porém seu pé direito não toca no chão, invalidando do Touchdown.

Agora sim! Em uma 2ª para 10 na linha de 18 jardas, após um read option de Dak com Zeke, o QB fica com a bola e corre para a end zone. Touchdown! 10 a 0.

Touchdown de Dak Prescott - Dallas Cowboys x Jacksonville Jaguars - Photo: Tom Fox Staff Photographer
Touchdown de Dak Prescott – Dallas Cowboys x Jacksonville Jaguars – Photo: Tom Fox Staff Photographer

No início do segundo quarto, com o Jaguars no ataque, Maliek Collins consegue um sack na terceira descida, tirando o time de Jacksonville do alcance de field goal.

Com Dallas no ataque, e um drive com boas corridas de Dak Zeke, excelentes passes para Beasley e Gathers, e já na linha de 17 jardas, Dak mais uma vez mostra a que veio e lança Cole Beasley novamente que recebe o passe e entra na end zone aumentando ainda mais a vantagem. 17 a 0.

Quanto ao ataque do Jaguars, não tem muito o que falar, nossa defesa foi espetacular durante o jogo todo.

No drive seguinte, houveram duas recepções fantásticas de Cole Beasley que mais uma vez marca. Touchdown Cowboys! 24 a 0.

No primeiro tempo de jogo o Cowboys permitiu apenas 64 jardas para o ataque do Jaguars e somente 3 first downs. Já no ataque, Dallas teve 252 jardas e 11 first downs. Que coisa mais linda!

Já na metade do terceiro quarto, Blake Bortles desencanta e lança Westbrook com um passe longo para o Touchdown. Essa seria a única vez que o time de Jacksonville pontuaria. 24 a 7.

Em seu campo de defesa, Dak faz uma excelente corrida após quase ser sacado chegando até o meio do campo. Esse drive resulta em mais um field goal para Maher. 27 a 7.

Com o Jaguars no ataque, Blake Bortles faz um lançamento longo e é interceptado por Jeff Heath que ainda dispara até a red zone. Mais um trabalho sensacional da nossa defesa. Mais uma vez sem conquistar o TD, o trabalho ficou para o Super Maher anotar mais 3 pontos. 30 a 7.

Com um pouco mais de 1 minuto faltando para acabar o terceiro quarto, ainda tivemos o prazer de ver um fumble forçado por Jaylon Smith e recuperado por Jourdan Lewis próximo à sideline.

FEED THE MONSTER! Zeke corre pelo meio e conquista 20 jardas até a linha de 10. Primeira para o gol e fim do terceiro quarto.

Já no último quarto não deu tempo nem de respirar. Touchdown de Zeke Elliott com uma corrida monstruosa. 37 a 7.

Nesse quarto ainda houve tempo pra mais um field goal do Maher quando estava pouco mais de 7 minutos para o final do jogo.

E assim se encerra uma vitória maiúscula do Cowboys sobre o Jaguars.

Pontos importantes a destacar:

O time todo foi sensacional! Jogaram realmente como uma grande franquia, abaixo apontarei alguns destaques individuais, mas o time todo deu orgulho.

Destaques individuais:

  • QB Dak Prescott – Excelente partida de Dak. Boas leituras, Touchdowns tanto correndo como lançando, excelentes corridas com avanços muito importantes. Foram 82 jardas totais para o quarterback, segunda melhor marca da história do time.

    Vou dizer algo que eu sempre achei e se eu não postei, aqui vai: O Dak é um ótimo quarterback! Digno de SuperBowl. Não é gênio, e precisa melhorar, mas tem muito potencial ainda a ser lapidado, o problema é nossa comissão técnica. Vamos ver se agora vai!

  • RB Zeke Elliott – Zeke mais uma vez é um dos destaques do time. Com mais de 100 jardas terrestres, o monstrinho fez a DL dos Jaguars ter pesadelos.
  • WR Cole Beasley – Pra mim, o melhor da partida junto com Dak. Os dois juntos mostraram sintonia, e se nosso corpo de wide receivers não funciona, é só lançar pra Cole Beasley que ele resolve. Muito seguro, o experiente Beasley é peça chave nesse time.
    Touchdown Cole Beasley - Photo: Louis deLuca/Staff Photographer
    Touchdown Cole Beasley – Photo: Louis deLuca/Staff Photographer
  • Defesa (DL, LBs e Secundária) – DL – Excelente jogo da linha defensiva com direito a sacks, pressão no QB adversário. Um ponto a destacar: Já é a segunda partida consecutiva que Demarcus Lawrence não anota nenhum sack. Já a dupla de Linebackers Jaylon Smith e Leighton Vander Esch mais uma vez foram precisos e não deram espaços para os running backs dos Jaguars. Juntos anotaram 19 tackles. Fora o fumble forçado por Jaylon Smith. Nós temos um dos melhores corpos de LBs da liga. Quanto á secundária, destaque para Byron Jones que teve uma partida sensacional. Nenhum wide receiver dos Jaguars teve mais que 50 jardas na partida.

Lembrança especial também ao nosso Kicker Brett Maher!

Pontos negativos:

Sinceramente, está difícil colocar alguém aqui nos pontos negativos. O time realmente foi bem, jogou junto, como uma grande franquia. O ponto negativo aqui é nossa empolgação quanto a esse time. Será que agora nos tornaremos um time competitivo, digno de impor respeito nos adversários e chegar aos Playoffs? Vamos segurar nosso “EMPOLGOU” e aguardar.

Confira abaixo os melhores momentos da partida:

E aí, o que achou do jogo? Concorda ou discorda do que eu falei?

Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

See ya fellas!

Comenta aí:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here