Connect with us

Top News

GM conclui produção do Chevy Montana no Brasil

Published

on

Após quase onze anos de produção ininterrupta, a General Motors recentemente parou de construir o Chevy Montana de segunda geração no Brasil, país de origem do veículo e único fabricante no mundo. Fontes familiarizadas com o assunto informaram à Autoridade GM que a última unidade de Montana havia implantado a linha de montagem na fábrica de São João do Sul no final de abril.

Ao concluir a produção do velho Chevy Montana, a montadora será capaz de atualizar sua fábrica brasileira para a produção de uma nova picape Chevy compacta, que substituirá indiretamente a Montana. Na verdade, poucos dias depois que Montana interrompeu a produção, veio a confirmação oficial de um próximo modelo que fortaleceria o portfólio de caminhões da marca.

Também conhecido como Chevy Tornado no México e Chevrolet Utility na África, o Chevy Montana, G.M. É uma pickup monobloco subescala desenvolvida e projetada pelo Centro de Engenharia do Brasil e é destinada a mercados emergentes. Foi lançado pela primeira vez em 2003 como uma variante do atual Chevy Corsa, que foi substituído em outubro de 2010 pelo modelo atual de segunda geração.

Desde o seu lançamento, o Chevy Montana sempre foi oferecido com apenas dois carros de passageiros em uma configuração, ao contrário de seus principais rivais Fiat Strata e Volkswagen Xavier, que gradualmente introduziram variantes de carro duplo. Por esse motivo, a segunda geração da Marinha de Montana focou nas vendas, nunca recebendo nenhuma atualização de design ou motor.

O último Montana tem 177,6 polegadas de comprimento, 67 polegadas de largura e 61,8 polegadas de altura, equipado com uma distância entre eixos de 104,7 polegadas. Embora um pouco mais alta que o modelo da primeira geração, a picape subcompacta se caracterizou por sua altura livre no piso baixo, ao mesmo tempo em que oferece uma caçamba de alta capacidade com peso máximo de 1.632 libras.

READ  Cientistas querem colocar bolhas do tamanho do Brasil entre a Terra e o Sol para 'reverter' as mudanças climáticas! | The Weather Channel - Artigos do Weather Channel

A paralisação da Chevy Montana no Brasil marca o fim das vendas de picapes em vários países da América Latina, começando no México no primeiro trimestre deste ano, com Argentina, Paraguai e Uruguai no início deste mês. No entanto, G.M. O mercado brasileiro continuará a fornecer a Montana de segunda geração até que o estoque expire.

Se inscrever Comissão GM As últimas notícias da Chevy Montana, Chevrolet News e o atual GM

Fotos do Chevrolet Montana 2021

  • Sorteios do mês: 2021 C8 Corvette Z51 conversível Well. Detalhes aqui.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top News

Lista de nomes da USMNT para amistosos Colômbia e Brasil antes da Copa América 2024

Published

on

Lista de nomes da USMNT para amistosos Colômbia e Brasil antes da Copa América 2024

Antes da Copa América 2024 neste verão, o técnico da USMNT, Greg Perlatter, nomeou uma 'lista de treinamento' de 27 jogadores para os amistosos contra Colômbia e Brasil.

No futebol americano, Berhalter escolherá a seleção final da Copa América após amistosos contra Colômbia e Brasil. A escalação final da Copa América deve ser enviada até 15 de junho para um máximo de 26 jogadores e um mínimo de 23 jogadores.

A USMNT enfrentará a Colômbia no dia 8 de junho, no Commander's Field, em Landover, Maryland, e depois viajará para o Camping World Stadium, em Orlando, Flórida, no dia 12 de junho, para enfrentar o Brasil.

Esses dois jogos serão uma ótima preparação para a Copa América em casa, já que a USMNT deverá continuar a se preparar para a Copa do Mundo de 2026, também em casa.

Alguma surpresa de Berhalter?

As principais surpresas nesta escalação são que o zagueiro Walker Zimmerman e o atacante Brandon Vasquez estão de fora, enquanto Shaq Moore, Timmy Tillman e Sean Johnson são algumas das adições surpresa. Sergino está lesionado no teste, então Moore e Joe Scally terão alguns minutos de jogo ao lado de Chris Richards e Mark McKenzie.

O goleiro Gabriel Slonina estará totalmente focado em se preparar para jogar pela seleção olímpica dos EUA neste verão, então faz todo o sentido que Johnson faça parte da lista. Zimmerman tem sido um pilar da USMNT nos últimos anos, mas Richards e McKenzie parecem tê-lo ultrapassado na tabela de profundidade dos zagueiros e com Tim Ream na escalação, Myles Robinson também está pressionando para começar.

Meio-campo e ataque Balogan de Fowler, Ricardo Pepi, Josh Sargent e Haji Wright abrem espaço para mais do que uma vaga titular. Isso é uma grande profundidade de centro-avante, algo que falta ao USMNT há muito tempo e talvez sempre, e a ausência de Vazquez nesta escalação prova isso.

READ  Cientistas querem colocar bolhas do tamanho do Brasil entre a Terra e o Sol para 'reverter' as mudanças climáticas! | The Weather Channel - Artigos do Weather Channel

Espere mais de Johnny Cardoso, Malik Tillman, Chris Richards e Cameron Carter-Vickers neste verão, com os garanhões regulares Christian Pulisic, Tyler Adams, Weston McKenney e Yunus Musa em papéis principais. Em temporadas muito fortes com os seus clubes na Europa.

Tem sido um grande verão para os meio-campistas Gio Reina e Brendan Aaronson, enquanto eles tentam resolver a situação de seus clubes neste verão, após difíceis períodos de empréstimo.

Abaixo está a lista completa da USMNT.

Escalação da USMNT para amistosos Brasil e Colômbia

Goleiros (3): Ethan Horvath (Cardiff City/WAL; 9/0), Sean Johnson (Toronto FC/CAN; 13/0), Matt Turner (Nottingham Forest/ENG; 39/0)

Guardiões (9): Cameron Carter-Vickers (Celtic/SCO; 16/0), Christopher Lund (Palermo/ITA; 3/0), Mark McKenzie (Genk/Bell; 13/0), Shaq Moore (Nashville SC; 18/ 1), Tim Ream (Fulham/ENG; 56/1), Chris Richards (Crystal Palace/ENG; 16/1), Anthony Robinson (Fulham/ENG; 41/4), Miles Robinson (FC Cincinnati; 29/3) , Joe Scally (Borussia Mönchengladbach/ALE; 9/0)

Meio-campistas (8): Tyler Adams (Bournemouth/ENG; 38/2), Johnny Cardoso (Real Betis/ESP; 11/0), Luca de la Torre (Zelda Vigo/ESP; 20/0), Weston McKenney (Juventus/ITA 51/11), Younus Musa (AC Milan; IDA; 35/0), Gio Raina (Nottingham Forest/ENG; 26/8), Malik Tillman (PSV Eindhoven/NET; 10/0), Timmy Tillman (LAFC; 1 /0)

Avançar (7): Brendan Aaronson (Union Berlin/GER; 40/8), Fowler Balogun (Monaco/FRA; 10/3), Riccardo Pepi (PSV Eindhoven/NET; 23/10), Christian Pulisic (AC Milan/ITA; 66/28), Josh Sargent (Norwich City/ENG)

Continue Reading

Top News

Entendimentos comuns entre China e Brasil sobre solução política da crise na Ucrânia-Xinhua

Published

on

Entendimentos comuns entre China e Brasil sobre solução política da crise na Ucrânia-Xinhua

Beijing, 23 mai (Xinhua) — A seguir estão os entendimentos gerais divulgados na quinta-feira entre a China e o Brasil sobre uma solução política para a crise na Ucrânia.

Entendimentos comuns entre a China e o Brasil sobre a solução política da crise na Ucrânia

Em 23 de maio de 2024, o Ministro das Relações Exteriores da China, Sua Excelência Wang Yi, Membro do Politburo do Comitê Central do Partido Comunista da China, encontrou-se com Sua Excelência Celso Amorim, Conselheiro-Chefe do Presidente do Brasil, em Pequim. As duas partes trocaram opiniões aprofundadas sobre a pressão por uma solução política para a crise na Ucrânia e apelaram à desanuviação da situação, e chegaram aos seguintes entendimentos comuns:

1. Ambas as partes apelam a todas as partes envolvidas para que adiram aos três princípios de não expansão do campo de batalha, não escalada de hostilidades e não provocação por qualquer parte.

2.Ambas as partes acreditam que o diálogo e as negociações são a única solução possível para a crise na Ucrânia. Todas as partes devem criar condições para a retoma do diálogo direto e acalmar a situação até que seja alcançado um cessar-fogo abrangente. A China e o Brasil apoiam uma conferência internacional de paz oportuna, reconhecida tanto pela Rússia como pela Ucrânia, com participação igualitária de todas as partes e discussão justa de todos os planos de paz.

3. São necessários esforços para aumentar a assistência humanitária às regiões afectadas e prevenir uma crise humanitária em grande escala. Os ataques a civis ou a instalações civis devem ser evitados e os civis e os prisioneiros de guerra (prisioneiros de guerra), incluindo mulheres e crianças, devem ser protegidos. Ambos os lados apoiam a troca de prisioneiros de guerra entre as partes em conflito.

READ  Portos privados no Brasil movimentam 11% mais cargas no 1º trimestre

4. A utilização de armas de destruição maciça, especialmente armas nucleares e armas químicas e biológicas, deve ser combatida. Devem ser envidados todos os esforços possíveis para prevenir a proliferação nuclear e evitar uma crise nuclear.

5. Os ataques a centrais nucleares e outras centrais nucleares pacíficas devem ser resistidos. Todas as partes devem cumprir o direito internacional, incluindo o Tratado de Segurança Nuclear, e prevenir resolutamente acidentes nucleares provocados pelo homem.

6. A divisão do mundo em grupos políticos ou económicos isolados deve ser combatida. Ambas as partes apelam a esforços para reforçar a cooperação internacional em energia, moeda, finanças, comércio, segurança alimentar e segurança de infra-estruturas críticas, incluindo oleodutos e gasodutos, cabos ópticos submarinos, instalações de energia e redes de fibra óptica. Proteger a estabilidade das cadeias industriais e de abastecimento globais.

Ambas as partes acolhem membros da comunidade internacional para apoiarem e reconhecerem os entendimentos comuns acima mencionados e desempenharem conjuntamente um papel construtivo na redução da situação e na promoção de conversações de paz.

Continue Reading

Top News

AXS Energia recebe US$ 31,3 milhões para projetos de energia solar distribuída em todo o Brasil

Published

on

AXS Energia recebe US$ 31,3 milhões para projetos de energia solar distribuída em todo o Brasil

A AXS Energia, empresa do Grupo Roca especializada em energias renováveis, confirmou uma nova operação de longo prazo integrada no primeiro trimestre de 2024. A operação de US$ 31,3 milhões visa financiar usinas de energia solar para micro e minigeração distribuída.

Croata_em_abril

A AXS Delaware, subsidiária da AXS Energia, utilizou recursos dos grupos CIFI e Triodos para financiar o empréstimo. O financiamento apoiará a construção de 14 usinas solares com capacidade total de 39,7 MW nos estados de Mato Grosso, Minas Gerais, São Paulo e Paraná. A XP Investimentos liderou o processo.

Ginkgo

O Grupo CIFI avaliou mais de 600 projetos de infraestrutura e participou de mais de 200 transações, totalizando mais de US$ 2 bilhões na América Latina e no Caribe.

Homilias

“Essa atividade é mais um passo importante para a AXS, que promove energia limpa e sustentável no Brasil por meio da energia solar compartilhada, ao mesmo tempo que contribui para a geração de empregos e para o desenvolvimento econômico das regiões onde as usinas atuam”, disse Eduardo Coutinho. AXS Energia.

A iniciativa está prevista para compensar mais de 40.000 toneladas de emissões de CO2 anualmente para ajudar a combater o aquecimento global. Além disso, espera-se a criação de mais de 760 empregos diretos e indiretos, impulsionando a economia local e beneficiando as comunidades envolvidas.

READ  World Cup Daily: Brasil e Croácia seguem caminhos diferentes para as quartas de final
Continue Reading

Trending

Copyright © 2023