Brasil entra em negociações especiais para vender Ultrabar Oxideno para Indorama

HOUSTON (ICIS) – A joint venture brasileira disse nesta quarta-feira que está em negociações exclusivas com a Ultrabar Indorama para vender seu negócio de surfactantes, a Oxideno.

A Ultrabar disse que as duas empresas ainda estão discutindo termos financeiros e não firmaram nenhum contrato ou acordo de venda.

O Indorama não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

A Oxideno é a única empresa produtora de óxido de eteno (EO) no Brasil. A empresa também produz etilenoglicol (EG) e surfactantes. Possui fábricas nos Estados Unidos, México e Brasil.

As vendas da Oxideno são possíveis à medida que a Ultrabar busca ampliar seu atual negócio de abastecimento de combustível.

Ipranga, seu negócio de varejo de combustíveis A aquisição continua Refinaria Alberto Pasqualini (REFAP) (RS) Petrobras. Será a única refinaria da região. REFAP pode processar 201.000 bbl de petróleo por dia.

A UltraCorp também possui a distribuidora de combustíveis UltraCorp, UltraCorco, uma empresa de armazenamento atacadista de líquidos, e a rede de farmácias Extraparma. Ultrabar está em negociações
Venda Extrapharma.

A Rice (R) assinou um acordo para vender a Ultrabar Extrapharma à Pac Menos por 700 milhões (9139 milhões).

Oxideno É uma das três maiores empresas químicas brasileiras Pode ser vendido.

($ 1 = R5,03)

(Adiciona o parágrafo 8)

A miniatura mostra bolhas, que geralmente são formadas em soluções contendo surfactantes. Imagem do Shutterstock.

READ  Brasil contradiz reivindicação da Bharat Biotech de aprovação emergencial para Kovacs

Tadday Köhler

"O desconfortavelmente humilde fã de TV. Generalista de Twitter. Entusiasta de música extrema. Conhecedor de Internet. Amante de mídia social".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top