Gaby Kapler condena mensagens racistas dirigidas aos gigantes Jay Jackson

O técnico do Giants, Gabe Kapler, reagiu na terça-feira às mensagens racistas dirigidas ao queer Jay Jackson nas redes sociais após a partida de segunda à noite.

“Não há lugar para comentários racistas de nossos jogadores nas redes sociais. Eles são totalmente inaceitáveis. Nojentos”, disse Kapler aos repórteres.Atleta H / R Andrew Bagarley) antes do jogo Giants-Diamondbacks no Chase Field na terça-feira.

“Não apenas no beisebol, mas na sociedade em geral. Fiquei realmente surpreso. Sei que todo o nosso clube ficou. Entendemos que os comentários feitos não são representativos de nossa grande base de fãs. Nossa base de fãs é especialmente maravilhosa e apoia. “

“E eu acho que o que vimos foi assim que Jay contou o que aconteceu, os fãs do Giants apareceram em grupos para apoiar Jay com comentários realmente amorosos e atenciosos, e eu achei isso excepcional, e temos que conversar sobre isso.

“Deve ter sido algo diferente, aqui e fora. Deve ser discutido porque era realmente irritante para todos nós e simplesmente não podia acontecer.”

Jackson, que é negro, participou da noite de segunda-feira Comentários racistas e ofensivos Ele entrou nas redes sociais depois de desistir de três corridas em dois terços do jogo em Final Giants vence 11-8 na prorrogação sobre o Arizona.

Jackson disse a repórteres (H / R Keri Crowley do San Jose Mercury News) que lidou com o racismo durante toda a sua vida, mas é grato pelo apoio que recebeu dos fãs dos Giants e de toda a organização.

READ  Moos se aposenta como diretor esportivo

Jackson, 33, tem sido forte em seu papel de centro de relevo desde que estreou no time dos Giants em 16 de julho. Seu ERA atingiu 2,35 no início do jogo de segunda-feira à noite, antes de ampliar seus ganhos em três jogos para 5,40.

Jackson fez sua estreia na MLB em 2015 com o San Diego Padres, e também em 2019 com o Milwaukee Brewers. Ele passou por algumas organizações diferentes e passou duas temporadas no Japão antes de assinar um contrato da liga secundária com o Giants em 8 de janeiro.

Anselma Waltz

"O pesquisador irrecuperável do Twitter. Um advogado amador de mídia social. Especialista em música premiado. Tornou-se um viciado. Facilmente letárgico."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top